Projeto Saúde na Esquina

Descrição Geral do Projeto

Segundo dados do Programa Nacional para a Infeção por VIH/SIDA, a nível Europeu, Portugal apresenta uma das mais elevadas incidências de infeção pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH), ainda que tendencialmente decrescente no número de novos casos (1941 diagnosticados em 2007 e 1518 diagnosticados em 2010).

No Plano Nacional de Saúde é reconhecida uma insuficiência de cuidados para as pessoas doentes em situação de exclusão social, como é o caso da população que se prostitui. As várias IPSS/ONG têm identificado dificuldades no acesso e auxílio a esta população-alvo, uma acessibilidade precária ao Serviço Nacional de Saúde (SNS) e pouco ou nenhum apoio psicossocial. Com o objetivo de contribuir para a resolução deste problema, e permitir o acesso a cuidados de saúde diferenciados e de qualidade por parte da população que se prostitui, a Saúde em Português – Delegação Regional do Centro associou-se à SIC Esperança e aos supermercados Lidl no Movimento mais para todos, edição 2016. Através do projeto Saúde na Esquina temos garantido nos últimos anos o acompanhamento médico e psicológico das mulheres que se prostituem em Viseu. A cada quinze dia, uma equipa multidisciplinar constituída por médico, enfermeiro e psicólogo, sai numa Unidade Móvel de Saúde equipada para permitir a realização de consultas de Saúde da Mulher com realização de citologia cervico-vaginal e Planeamento Familiar, bem como o rastreio HIV em dias previamente definidos. Ao longo deste tempo de ação, já assistimos dezenas mulheres, com realização de mais de muitas consultas e distribuição de mais de milhares de preservativos masculinos numa campanha clara de educação para a saúde e promoção da saúde pública e prevenção de doença. Neste momento, e cada vez com mais força estabelecida no terreno e importância fulcral na dinâmica social da cidade de Viseu, o Saúde na Esquina conta com a parceria contínua e bem definida da Câmara Municipal de Viseu e do ACeS Dão Lafões.

Objetivos

Investir na prevenção como melhor tratamento, fomentando procedimentos e práticas de redução de risco;
Prestar cuidados de saúde primários a uma população com poucos acessos ao SNS;
Realizar consultas de saúde da mulher e de planeamento familiar;
Possibilitar a realização de Rastreio do cancro do colo do útero através citologias cervicais;
Possibilitar a realização de testes rápidos de VIH/SIDA;
Distribuir de métodos contracetivos barreira;
Caracterizar a população-alvo.

Destinatários(as)

Mulheres que se prostituem no concelho de Viseu.

Entidade Financiadora

Até setembro de 2017, pelo Movimento Mais para todos. Atualmente financiado pela Delegação Regional do Centro da Saúde em Português.

Entidades Parceiras

Câmara Municipal de Viseu
ACeS Dão-Lafões

Local

Concelho de Viseu

Duração

Desde 2016 e atualmente a decorrer.

Atividades

Acompanhamento médico e psicológico quinzenal e no terreno das mulheres que se prostituem em Viseu

Mais Informações

+351 91 727 74 97

delegacaocentro@saudeportugues.org

Galeria